quinta-feira, outubro 27, 2005

REVIVENDO COISAS BOAS

"Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito." Rom 8:28

Tenho que começar a escrever dando graças a Deus por tudo o que já vivi. Mas não tenho vergonha nenhuma de confessar, aliás tenho muita coragem, para dizer que revivi alguns fatos da minha vida que me deram uma saudade tremenda! Que permanecem nas boas memórias.

Dias atrás liguei a TV a cabo no canal portugues RTPi e fiquei assistindo um programa que homenageava a cantora de Fados Amália Rodrigues - Alma Luso. Gosto demais dos Fados!
Me transportei há alguns anos atrás. Há um passado de amor aonde dois eram um.
Um de carinho, um de companheirismo, um de amante. E esta lembrança foi simplesmente
divina!

Na minha memória brotaram imagens lindas não só de Portugal, mas dos meus amigos de lá, da minha família que já lá não existe mais, e acima de tudo a lembrança dos momentos passados ao lado do meu marido. (sou divorciada).
Como vivemos Portugal! Como escutávamos e vivíamos o Fado! Ah! Lisboa! Ah! "A casa do Senhor Vinho"! Com a oponência que lhe era peculiar, e o Fado correndo solto, sofrido, cheio de lamento e encanto.

Iamos sempre no verão. Do Algarve, elegemos Albufeira para fazer parte de nós. Iamos
atrás do Fado, atrás da viola até altas horas.
Lembrei das cerejas e das frutas vendidas e saboreadas pelos caminhos.
Lembrei até dos beijos aos montões e carinhos sem enfado, a beira das estradas. Fiquei com saudades, confesso, boas saudades do tempo passado, daquele que me acompanhava, que sorria e que me amava. Que lindo!

Nunca vi amor igual ao que vivi. Hoje não vejo os jovens vivendo o amor desta maneira.
Parece que ficou antigo. E sinto uma tristeza por aqueles que não conseguem encontrar um alguém para amar nesta vida terrena.
Foi bom lembrar!!! As fotos são de Lisboa, a quem um dia farei um Tributo. Aguardem-me!

"...Portanto o que Deus uniu não o separe o homem." Mat. 19:6

"Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco."
I Tess 5:18

E assim é a vida! "Das nossas escolhas depende o nosso futuro." Foi somente uma boa lembrança porque eu SOU FELIZ!
Até!

8 comentários:

Lu disse...

Que inspiração, hein!? Beijos!

Paula disse...

Olá Marlene... gostei de ler o que escreveste. E é engraçado estares a falar de lugares que eu conheço bem... Lisboa, Albufeira...
O amor que descreves deve ter sido bonito, profundo...
Um beijinho!

Mari disse...

Querida Marlene, alguns jovens amam assim, SIM! Eu sou um deles!!!!Mas é verdade, muitos acham que sou careta por viver este sentimento em grande intensidade. Deixa eles, não sabem o que estão perdendo. hahahahaha.

Vilma disse...

Que bom saber que Portugal te traz boas recordações.
E também penso como tu: o amor hoje passa ao lados dos jovens... querem viver tudo logo de imediato e não saboreiam nada...como a fast-food! Sacia no momento mas deixa uma fome passado um tempo..e colesterol! Assim é o amor nos dias de hoje! Que pena!

Marlene Maravilha disse...

Oi Lu!
Deus e voces, tu e a Ro, são meus inpiradores, depois de Jesus, é lógico, responsáveis pelo início deste blog!Beijos


Oi Mari!
Gostei do teu comentário e estou torcendo!!!Apareça sempre!
beijos.

Vilma, pois é, eles não sabem o que perdem!!!!Obrigada pela visita. Voltes sempre.
beijos

Marlene Maravilha disse...

Paula, realmente este romance foi digno de um livro. Quem sabe...
beijos

Anônimo disse...

amadinha, vc me fez chorar mais um pouquinho........ja é comum, isso, estes dias.....
como é bom saber, que o PERFEITO amor, nunca vai nos abandonar.....ELE jamais acaba.......
Essa verdade nos da força para continuar , não é verdade?
Linda sua reflexão, viu? amei......
beijusssssss
Osely

Marlene Maravilha disse...

Osely, minha querida!
Que verdade linda saber que o amor do Pai não nos abandona não é mesmo? Ele nos revigora!
Obrigada pelas palavras carinhosas!
Te amo muito tb.
beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...